Yara adia finalização de projetos por conta da pandemia

A Yara informa que em Rio Grande, no Rio Grande do Sul, onde está duplicando sua capacidade de produção de fertilizantes e de mistura, a inauguração do projeto, próximo ao porto para facilitar o escoamento, foi adiada do terceiro para o quarto trimestre. O investimento segue o mesmo: R$ 2 bilhões.

Já a segunda etapa do Complexo Minero-Industrial Serra do Salitre, no Triângulo Mineiro, a obra teve paralisação de pelo menos um mês. O projeto, orçado em R$ 5 bilhões, deverá ser concluída no final do ano que vem, com seis meses de atraso.

A segunda fase deste projeto refere-se à construção da chamada planta química. O complexo já tem em operação mina e área de beneficiamento de rocha fosfática. Enquanto a planta química não entra em funcionamento, os fertilizantes estão sendo produzidos na planta de Paulínia (SP) da empresa.

Fonte: Valor Econômico

Deixe uma resposta