Transformar a engenharia através da sustentabilidade

Hoje, acredito fortemente que o caminho é fazer o que amamos e deixar um legado para que possamos fazer a diferença no mundo em que vivemos. Seja através dos sonhos constantes que penso em realizar, seja ao fazermos a nossa parte – de forma individual ou coletiva – para construirmos um mundo melhor. Ao empreender e ser líder de uma empresa de engenharia focada em soluções sustentáveis sinto que estou no caminho certo para concretizar isso.

Posso garantir que não somos uma empresa tradicional e isso quer dizer que não abrimos mão de incluir a sustentabilidade em nossas soluções. Por isso, avaliar aspectos econômicos, sociais e ambientais são nosso dia-a-dia.

Esse é o nosso jeito de fazer engenharia. E hoje, sem dúvidas, é também o nosso diferencial.

A Allonda foi fundada em 2000 para fornecer equipamentos na área de saneamento. Com o passar dos anos tornou-se representante comercial exclusiva de geossintéticos de uma empresa holandesa no Brasil. Mas foram outros dois importantes marcos que nos trouxeram para onde estamos hoje.

Primeiro foi a mudança do modelo de negócio, quando decidimos executar os serviços de engenharia ao invés de apenas comercializar produtos. Mas, eu ainda não estava satisfeito. Foi então que trouxemos a sustentabilidade para a estratégia.

Essa decisão rendeu importantes frutos, como a participação da Allonda nas soluções emergenciais de engenharia após o rompimento da Barragem de Fundão (Mariana, 2015) e da Barragem do Córrego do Feijão (Brumadinho, 2019), ambas em Minas Gerais.

Assumir o compromisso de preservar o mundo em que vivemos não é tarefa fácil. Afinal, lidamos diariamente com obras preventivas e emergenciais que são extremamente delicadas. Mas, não faço isso sozinho.

Conto com uma equipe inteligente, sincronizada e alinhada ao mesmo propósito. Nosso trabalho é, além de solucionar os problemas de engenharia dos clientes, fazer com que essa solução seja realmente sustentável a longo prazo.

É realmente gratificante quando vejo os impactos e resultados das nossas operações. E aí eu penso: e se a Allonda não estivesse ali? Como estaria aquela área? Quais seriam as perdas daquele ecossistema? Por isso, além do nosso profissionalismo, existe algo ainda mais importante para a Allonda. Chama-se propósito! Nossa verdadeira vontade de transformar a engenharia através da sustentabilidade.
*Leo Cesar Melo, CEO da Allonda

Deixe uma resposta