ANM coloca em disponibilidade 502 áreas para pesquisa mineral

Edital abre ciclo de ofertas e traz áreas com aptidão para agregados usados na construção civil

A Agência Nacional de Mineração publicou o edital que reabre a disponibilidade de áreas no país, parada há quatro anos. Neste primeiro certame, estão sendo ofertadas 502 áreas para fins de pesquisa de minerais usados preferencialmente em infraestrutura e construção civil, como areia, brita, argila (cerâmica vermelha), cascalho e gesso.

Esse conteúdo é exclusivo para assinantes. Faça a sua assinatura para ter acesso ao conteúdo exclusivo

Deixe uma resposta