Anglo American anuncia resultado do 1º sem no Brasil

A Anglo American anunciou os resultados de sua operação no Brasil de minério de ferro no primeiro semestre deste ano. De acordo com relatório, oresultado operacional antes da depreciação, EBITDA, totalizou US$ 253 milhões, um aumento significativo em relação ao primeiro semestre de 2016 (perda de US$ 9 milhões), refletindo o aumento da produção do Minas-Rio e o término da capitalização dos resultados operacionais em janeiro de 2017.

O preço médio FOB realizado foi de US$ 66/tonelada métrica úmida (equivalente a US$ 72/tonelada métrica seca), US$ 22/tonelada, ou 50% maior do que a alcançada no primeiro semestre de 2016. O custo unitário FOB foi de US$ 29/tonelada, US$ 3/tonelada inferior ao ano anterior, como resultado de maiores volumes de produção, juntamente com iniciativas de redução de custos, parcialmente compensadas pelo fortalecimento do real.

O ponto de equilíbrio do preço médio realizado (CFR) foi US$ 8/tonelada inferior a US$43/tonelada (no primeiro semestre de 2016 era US$ 51/tonelada), como resultado de custos unitários mais baixos e maiores prêmios de qualidade do minério vendido, compensado por maiores custos de frete.

A produção de minério de ferro, base úmida, no Minas-Rio aumentou para 8,7 milhões de toneladas durante o primeiro semestre de 2017, um crescimento de 27% em relação ao primeiro semestre de 2016, já que a operação continua em ramp-up até sua capacidade operacional.

Deixe uma resposta