Exportações mineiras superam meta e chegam a 24 bi de dólares

Minas Gerais registrou exportações da ordem de US$ 24,44 bilhões em 2008, cifra que ultrapassa em mais de US$ 4 bilhões a meta prevista para o ano. Dados foram divulgados no final da tarde de ontem, pela Central Exportaminas, órgão vinculado à Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sede), que atua em parceria com o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC).

As exportações mineiras registravam US$ 7,43 bilhões em 2003, início do Governo Aécio Neves. Nos últimos cinco anos, portanto, o valor das vendas externas de Minas Gerais mais que triplicou, com desempenho acima da média brasileira, indica o órgão.

O ano de 2008, conforme o levantamento, foi o melhor do comércio exterior mineiro, com média de US$ 2 bilhões mensais e o recorde mensal de US$ 2,83 bilhões em setembro, fruto da demanda fortemente aquecida dos mercados mundiais até o fechamento do terceiro trimestre.

A participação do Estado na pauta nacional manteve-se constante ao longo do ano, fechando em 12,4% no mês de dezembro. Com isso, o Estado permanece, de forma consolidada, na segunda posição no ranking nacional, atrás apenas de São Paulo.

Numa perspectiva de evolução estrutural, as exportações mineiras expandiram pelo quinto ano consecutivo a taxas de dois dígitos, implicando um valor em 2008 cerca de 230% superior ao de 2003.

Já as importações contabilizadas pelo Estado também foram recordes, superando US$ 10,4 bilhões e com elevada participação de insumos produtivos e bens de capital. O saldo comercial mineiro, ao contrário do valor nacional, cresceu 17,8% em relação a 2007, mantendo para o Estado a marca de maior valor dentre as unidades da Federação.

Deixe uma resposta