Case participa da maior competição de educação profissional do mundo

Marca cedeu máquinas e treinou participante para o WorldSkills São Paulo 2015, que acontece de 12 a 16 de agosto

A Case Construction Equipment é patrocinadora do WorldSkills São Paulo 2015, a principal competição de educação profissional do mundo, realizado pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) de 12 e 16 de agosto no Anhembi Parque, em São Paulo. A marca cedeu uma pá carregadeira 721E e uma minicarregadeira Skid SR250, além de peças e informações técnicas, que serão utilizadas na categoria de Manutenção de Máquinas Pesadas.

Nessa habilidade, seis Competidores (um brasileiro, um austríaco, um americano, um canadense, um francês e um suíço) utilizarão as máquinas Case em duas tarefas: uma prova de hidráulica na pá carregadeira 721E e uma prova sobre o sistema de arrefecimento na minicarregadeira SR250.

Em sua 43ª edição, a WorldSkills Competition deve reunir mais de 1,2 mil jovens de 63 países. Todos os competidores têm menos de 22 anos de idade e disputam medalhas em 50 profissões da indústria e do setor de serviços. As provas têm duração de quatro dias e os Competidores são desafiados a alcançar índices de excelência durante a execução das tarefas, que são semelhantes às que realizariam no ambiente de trabalho.

Treinamento

A Case também participou do treinamento do participante brasileiro Vinícius Batista Silva, aluno do Senai de Goiânia (GO). Ele esteve duas vezes na fábrica da marca em Contagem (MG) e uma vez no concessionário da marca em Goiás, a Brasif Máquinas.

“Tecnologia e treinamento são essenciais para atingir a excelência na fabricação e na aplicação das máquinas de construção, por isso é muito importante para a Case participar de um evento como esse em parceria com o Senai. Ficamos honrados com o convite e orgulhosos em participar”, declara Relton Henrique César, engenheiro da área de Serviço da marca.

A Case possui 33 modelos de equipamentos em seu portfólio para o Brasil. Entre eles, estão a pá carregadeira 721E, de 14,2 toneladas e potência de motor de 183 hp, com certificação Tier III, que proporciona maior desempenho e economia de combustível, e a minicarregadeira SR250, de levantamento radial, carga operacional de 1.360 kg e potência bruta de 90 hp.

Fonte: Redação MM

Deixe uma resposta