Rajo Inca inicia atividades de mineração no fim de 2021

O vice-presidente de operações do Centro Sul da Codelco, Mauricio Barraza, após visitar instalações de Rajo Inca, disse que está em revisão o projeto e indicou para final do ano que vem o início da operação.

A pandemia de coronavírus atrasou algumas atividades relacionadas ao cronograma de Rajo Inca, projeto que estenderá em 40 anos a vida útil da planta de Divisão Salvador.

Atualmente, o plano se baseia em ajustar o projeto e intervir nas plantas concentradoras e hidrometalúrgicas durante 2021, com o objetivo de elevar os padrões e iniciar a operação no final do próximo ano.

O projeto tem custo de mais de US$ 1 bilhão.

Fonte: Reporter Minero

Deixe uma resposta