Steelrool: da britagem à moagem

A Steelrool fornece soluções completas para plantas de processamento de minérios, da britagem primária à moagem, com uma linha de máquinas e equipamentos que podem ser aplicados a materiais com distintas durezas e granulometrias. Seu portfolio de máquinas inclui britadores em geral e peneiras vibratórias com ampla gama dimensional e estágios de peneiramento, projetados para atender plantas com capacidade produtiva de até 500 t/h.

Na linha de movimentação de materiais, fornece transportadores de carga completos, incluindo roletes (rolos e cavaletes), tambores, passadiços, guia de material e chassi. Os mesmos itens estão disponíveis para fornecimento individual, sendo sua aplicação destinada à ampliação dos transportadores de carga ou peças de reposição, atendendo as especificações de cada cliente. Possui amplo estoque de correias transportadoras de largura entre 16’ a 42’ com cobertura super extra abrasão.

Com atuação em todo País, a Steelrool mensalmente inaugura obras em diversas regiões, como a da Cibe Pré Moldados, localizada em Primavera do Leste (MT). A obra compreende 850m de transportadores de correia, possibilitando a produção de 1.500 t/h.

A Steelrool investe continuamente em pesquisa e desenvolvimento de novos métodos de produção e melhoria de seus produtos. Entre as melhorias desenvolvidas, destaca-se o processo produtivo na fabricação de rolos, onde não existe a usinagem interior nos tubos, aumentando sua resistência. Os mancais de fixação são calibrados com ajuste preciso e a solda é feita de forma concêntrica, onde o braço do robô está fixo e o rolete gira em torno de seu próprio eixo, eliminando a excentricidade. As vedações de rolamento possuem duplo canal de labirinto gerando total eficiência.

A exigência atual é por produtos com maior durabilidade, peças que não geram desgaste prematuro e não apresentem sinais de travamento, como, por exemplo, rolos com menor coeficiente de atrito gerando menor consumo de energia na transformação do movimento, vedação com total eficiência bloqueando a penetração de contaminantes ao rolamento, perfeito alinhamento da estrutura do transportador evitando o derramamento de material.

Existe uma demanda por rolos alternativos, como as peças fabricadas em polímeros de engenharia, que possuem a mesma durabilidade. Essa busca consiste na praticidade de troca dos rolos nos equipamentos, pois são peças leves e de fácil manuseio.

Os equipamentos para processamento de materiais, bem como os itens que compõem os transportadores de correia, são produzidos sob a certificação IS0 9001.

Fonte: Revista Minérios & Minerales

Deixe uma resposta