Randgold e Barrick criam a maior mineradora de ouro do mundo

A compra de 75% das ações da britânica Randgold Resources pela canadense Barrick Gold cria a maior mineradora de ouro do mundo. O negócio é avaliado em US$ 18 bilhões, de acordo com informações do mercado.

Ambas empresas fazem extração de aproximadamente 182 milhões de quilos do metal por ano. A Barrick e a Randgold esperam que a fusão lhes permita reduzir custos e aumentar as margens de lucro, em um ano que a queda do preço de ouro tem sido constante.

As minas da Barrick estão localizadas nas Américas. Já os ativos da Randgold, na África – e considerados em locais de maior risco.

 

Notícias relacionadas

MUSA adotará armazenamento a seco de rejeitos A Mineração Usiminas (MUSA) irá implantar em sua unidade de Itatiaiuçu (MG) um novo sistema de disposição de rejeitos filtrados. O investimento no pro...
Nova planta de moagem e flotação da Ferrous eleva ... Para aumentar a competitividade no mercado internacional de seus produtos, a mineradora Ferrous está investimentos cerca de US$ 80 milhões em um proje...
Mineradora deve vender parte do projeto Quellaveco A Anglo American pode vender até 30% de sua participação no projeto peruano de cobre Quellaveco. Os interessados na compra são os japoneses da Mitsubi...
Aumento de recuperação de ouro a partir de impleme...   Resumo Esse artigo visa mostrar os impactos da implementação de circuito de recuperação de ouro gravimétrico, previamente à etapa de lixi...
0

Comentar