O uso do aço no equipamento de reciclagem

A reciclagem cria alguns dos ambientes operacionais mais difíceis para componentes de equipamentos e maquinários. As máquinas podem enfrentar cargas extremas, contaminação por poeira, queda de detritos e variações de temperatura.

Por outro lado, as empresas de reciclagem e recuperação estão em dificuldades. Margens de lucro menores, preocupações com a segurança dos trabalhadores, regulamentos ambientais mais rígidos e o crescimento na quantidade de sucata e resíduos: tudo isso cria uma carga completa de desafios.

Porém, eliminar desperdícios não é uma questão apenas de lidar com os resíduos que o equipamento absorve todos os dias. Muitos profissionais de reciclagem estão descobrindo que uma fonte de desperdício que eles podem controlar é a qualidade do equipamento que operam.

Em um setor em que a produtividade é essencial, o aço utilizado como matéria-prima para fabricar o equipamento merece um olhar mais cuidadoso. Na verdade, as propriedades do aço, combinadas com a seleção do tipo de aço certo com base na aplicação ou processo, pode determinar o sucesso ou fracasso do equipamento.

Neste artigo, analisamos o Hardox, chapa de aço anti desgaste dura e tenaz da fabricante SSAB.

O aço Hardox vem em uma ampla variedade de classificações, larguras e espessuras. Mas, independentemente do grau ou da espessura, o equilíbrio certo entre dureza, resistência e trabalhabilidade é essencial para viabilizar o projeto ideal dos equipamentos e acessórios, e para alcançar alto desempenho em ambientes agressivos.

Dureza e tenacidade são termos da engenharia mecânica que descrevem propriedades do material. Aqui estão algumas definições importantes.

Dureza: A resistência do aço à penetração e à deformação permanente (na forma de entalhe, arranhão, abrasão, corte etc.) quando a fricção é aplicada em sua superfície. Quanto mais duro o aço, menor a penetração.

Benefício: Bordas de material abrasivo têm dificuldade em cortar uma superfície dura, de modo que o desgaste é minimizado.

Endurecimento total: Um tratamento térmico em que o aço é exposto a aquecimento em alta temperatura seguido de resfriamento controlado. Isso melhora a dureza não apenas da camada externa, mas do núcleo do aço.

Benefício: O endurecimento total resulta em melhor desempenho do que o endurecimento apenas de superfície.

Tenacidade: A capacidade do aço de absorver energia e resistir à fratura.

Ele exige tanto resistência e ductilidade de modo que ele possa se deformar sob tensão em vez de fraturar. Benefício: Um material resistente que cede, de modo que possa resistir a trincas caso seja sujeito à deformação plástica.

Com uma combinação exclusiva de dureza em toda a espessura e resistência, o aço Hardox possui propriedades estruturais que o diferenciam do aço tradicional resistente à abrasão, que é suscetível a rachaduras e desgaste e exige substituições frequentes. Normalmente, conforme a dureza aumenta, a formabilidade e a soldabilidade do aço diminuem.

Mas, devido à sua tenacidade, a chapa de desgaste Hardox pode ser usada como aço estrutural, de modo que os fabricantes podem dobrá-la, formá-la e soldá-la sem que perca suas propriedades. Juntamente com sua alta resistência, isso permite projetos mais inteligentes, que usam menos aço sem deixar de manter a resistência do produto e aprimorar seu desempenho.

Pacific Shredder, empresa australiana de equipamentos de reciclagem usa o aço Hardox para fabricar trituradoras que podem transformar um carro em sucata em segundos. A trituradora é, basicamente, um tambor de 60 t, composto por 11 discos, com 12 ou 16 martelos de manganês conectados. O rotor gira a 500 rpm, e os martelos destroem os carros contra uma série de bigornas, barras de impacto e grelhas. O interior é blindado com placas de desgaste, que impedem que o metal que é arremessado cause erosão em toda a estrutura.

A chapa de desgaste Hardox ajuda a maximizar o tempo de trabalho e a reduzir a manutenção e os custos operacionais da empresa no longo prazo.

Para eles, uma quebra significa não apenas uma perda de produtividade; isso significa levar um guindaste de 200 t para consertá-lo. Portanto, a durabilidade é tudo. E, devido à natureza dos negócios, uma das únicas maneiras de aumentar o lucro é melhorando a vida útil da trituradora. “A maior espessura e a resistência adicional dão às nossas trituradoras uma vida útil muito mais longa”, diz o proprietário, Joe Beentjes. “Nossas chapas de desgaste e discos continuam funcionando quando outras já se transformaram em sucata”.

A SSAB tem um programa de chapa grossa, que oferece a chapa de desgaste Hardox em espessuras de até 160 mm (6,25″) e resistência de até 350-600 HBW. Dimensões grossas estão em alta demanda em setores como equipamentos de construção, mineração e reciclagem – onde quer que haja grandes componentes de desgaste como trituradores, moinhos, caçambas e aplicações em estrada de ferro. Um aço limpo e de baixa liga, como o Hardox, é essencial para obter excelentes propriedades de processamento (corte, solda e dobra), dureza homogênea em toda espessura da chapa e alta tenacidade.

 

Notícias relacionadas

Gerdau expande 3% na produção de aço em 2017 A Gerdau encerrou o ano de 2017 com R$ 37 bilhões de receita líquida consolidada, apresentando uma redução de 2% em comparação com o exercício anterio...
0

Comentar