Quarta pelotização da Samarco ultrapassa 70% de avanço do projeto

Capacidade de produção de pelotas aumentará em 37% e empreendimento
entrará em operação em janeiro de 2014

OProjeto Quarta Pelotização (P4P) da Samarco elevará a capacidade de produção de pelotas de minério de ferro das atuais 22,25 milhões para 30,5 milhões t/ano, um aumento de 37%. O projeto atingiu, ao final de dezembro, 71,5% de avanço total acumulado (incluindo as áreas de engenharia, construção e suprimentos).

O P4P contempla a construção do terceiro concentrador da companhia, com capacidade de 9,5 milhões t/ano, em Germano (localizada entre os municípios de Ouro Preto e Mariana, em Minas Gerais), e da quarta usina de pelotização, capaz de produzir 8,25 milhões t/ano, em Ponta Ubu (localizada em Anchieta, no Espírito Santo). O P4P inclui também o terceiro mineroduto da Samarco, que está sendo construído paralelamente aos outros dois já existentes. Com 400 km de extensão, passa por 25 municípios mineiros e capixabas e terá capacidade para transportar 20 milhões t/ano.

Com P4P, Samarco construirá o terceiro concentrador da mineradora

Uma adutora também está sendo construída. Ela fará o transporte de água de Santa Bárbara (MG) para a unidade industrial de Germano. Já o Terminal Portuário de Ubu, com capacidade de escoar 23 milhões t/ano, vem sendo adaptado para aumentar a capacidade de movimentação de carga para 33 milhões t/ano, absorvendo todo o escoamento da produção.

Na unidade de Germano (MG), prosseguem as obras destinadas ao peneiramento, britagem, moagem, flotação e deslamagem. Em Anchieta (ES), estão em fase de execução as estruturas de pelotamento, filtragem, mistura, forno e espessador. No mineroduto, continuam as obras de recomposição vegetal na linha-tronco, das estações de válvulas e de bombas. Já as obras da adutora, no município de Santa Bárbara , abrangem o desfilamento, curvamento, soldagem e revestimento de tubos, além de abertura de vala para abaixamento de tramo.

Para o projeto P4P, foram adquiridos os seguintes equipamentos para a unidade de Germano: transportador de correia, bombas de polpa, moinhos de bolas, peneiras vibratórias, células de flotação, espessadores, alimentadores rotativos, britadores, tubos para adutora, bombas da adutora, hidrociclone, coluna de flotação e tanques de homogeneização. No que diz respeito ao mineroduto, as principais aquisições foram tubos para mineroduto, bombas principais do mineroduto, válvulas de esfera e tanque de homogeneização. No caso da unidade de Ubu, os principais equipamentos comprados foram bombas de polpa, prensa de rolos, moagem de carvão, moagem de calcário, discos de pelotamento, misturador rotativo, espessadores, filtros a disco, tanques de homogeneização, forno de endurecimento, transportador de correia, peneiras vibratórias, recuperadora, empilhadeira e carregador de navios.

Futuras áreas de peneiramento, britagem, moagem, flotaçãoe deslamagem já estão em construção, em Germano (MG)

As obras tiveram início em maio de 2011 e estão dentro do cronograma com avanço físico de 72%. Atualmente, cerca de 11,2 mil empregados temporários atuam no Projeto Quarta Pelotização. A previsão é de que a quarta usina de pelotização já esteja em operação em janeiro de 2014. Após a conclusão do empreendimento, serão gerados aproximadamente 1.100 empregos, entre diretos e indiretos.

0
Page 911 of 916 «...880890900909910911912913...»