Dedicada à Redução de Custos, Aumento de Produtividade e Manutenção Industrial na Mina e na Planta
Dedicated to Cost Reduction, Productivity, Industrial Maintenance at the Mine and Plant
Youtube
Twitter
Flickr
Youtube
Contact
 
Ergonomia multidisciplinar em benefício dos lubrificadores
No setor de lubrificação, as taxas de absenteísmo quando altas prejudicam a empresa que sofre com a redução de produtividade e qualidade dos serviços, aumento da quantidade de manutenção, além dos colaboradores que enfrentam sobrecarga de trabalho podendo ocasionar desmotivação e acidentes de trabalho.
 
 
Na Anglo American Minério de Ferro Brasil, para o estudo em questão, escolheu-se relatar as taxas de absenteísmo que envolvem o cargo de lubrificador I, II e III. A escolha se deu pelo fato da grande demanda da tarefa de lubrificação em todo o projeto, visto o amplo número de equipamentos e máquinas existentes.
 
 
No ano de 2014, no início da atividade de lubrificação no projeto, havia 35 pessoas executando a atividade de lubrificador. Destas, nenhuma pessoa foi afastado pelo INSS, 2,85% apresentou atestado relacionado ao CID M/dorsopatia e houve dois dias de afastamento. No ano de 2015, continuavam trabalhando na Anglo American 35 pessoas, destas, nenhuma foi afastada pelo INSS, 11,42% apresentou atestado relacionado ao CID M/dorsopatia e houve nove dias de afastamento.
 
 
No ano de 2016, considerando os primeiros oito meses de atividade, 30 colaboradores exercem atividade de lubrificação. Destes, nenhum apresentou afastamento pelo INSS, 3,33% apresentou atestado relacionado a CID M/dorsopatia e houve 1 (um) dia de afastamento.
 
 
Assim sendo, o desafio da Anglo American Minério de Ferro Brasil é eliminar/minimizar riscos antiergonômicos das tarefas com característica de esforço físico excessivo, transporte manual de carga acima do recomendado ou com exigência de posturas estereotipadas.
 
 
As atividades de mecânicos e/ou lubrificadores apresentam todas as características mencionadas acima, principalmente pelo fato desse grupo ter que manusear constantemente tambores de 200 l.
 
 
Para reduzir os casos de absenteísmo na empresa e auxiliar na adequação dos postos de trabalho, atualmente atendimentos clínicos/ ambulatoriais dentro do espaço físico da empresa são realizados.
 
 
Além disso, exames periódicos de todos os colaboradores são efetuados no primeiro semestre do ano, para que no semestre seguinte os controles de saúde possam ser direcionados a grupos de risco e/ ou doenças específicas. Um programa de ergonomia está em andamento e continuamente é gerenciado. Novos projetos e/ou ideias para melhorias nos locais das atividades de trabalho específicas são estimuladas e realizadas.
 
 
PROGRAMA DE ERGONOMIA
 
O programa de ergonomia (PROERGO) foi elaborado de acordo com uma combinação entre as diretrizes da
Norma Regulamentadora 17 (NR-17) e valores e princípios da empresa. O cargo de lubrificador faz parte dos
estudos de ergonomia e ações direcionadas.
 
 
O Plano Diretor de Lubrificação (PDL) foi desenvolvido para atender os requisitos de confiabilidade dos
ativos físicos do projeto Minas-Rio da Anglo American Minério de Ferro Brasil objetivando otimização de
processo, saúde e segurança, redução de custos e eliminação/ minimização de esforço físico excessivo e necessidade de frequente de transporte manual de carga,através do método Ishikawa, onde utilizou-se 3M do diagrama (mão de obra, máquina e método) para definir os pilares do plano: pessoas, equipamentos e métodos.
 
 
Os treinamentos capacitam os profissionais de lubrificação da Anglo American, com as melhores práticas de lubrificação existentes, tanto com vistas aos resultados de manutenção quanto na utilização de equipamentos e acessórios que tornem as atividades de lubrificação mais seguras e adequadas de acordo com as características psicofisiológicas dos trabalhadores. De acordo com as experiências dos instrutores da empresa certificadora, a capacitação dos profissionais é um dos maiores potenciais de obtenção de resultados, como controle de contaminação e realização das atividades de forma planejada e organizada, uma vez que os conhecimentos dos benefícios de uma lubrificação de alta performance são ainda pouco
explorados.
 
 
Quanto ao pilar equipamentos, pode-se dizer que este quesito trata de toda a infraestrutura necessária para uma boa prática de lubrificação, controle de contaminação e garantia de condições de trabalho adequadas.
 
A cadeia de armazenamento, transporte e utilização dos lubrificantes foram avaliadas. As oportunidades de melhoria relacionadas foram mapeadas e posteriormente foram realizados os investimentos necessários.
 
 
Ainda no pilar método definiram-se os indicadores de gestão da especialidade, destacando-se: cumprimento do plano de lubrificação, cumprimento do plano de coleta, consumo de lubrificantes, índice de alarmes do programa de análise de óleo, número de recomendações alertadas x realização das correções, resíduos gerados x tratado, saving com recuperação de lubrificantes através de processos de filtragem, e saving proveniente do sistema de gestão de troca de lubrificantes por condição.
 
 
RESULTADOS
 
É inerente à tarefa de manutenção, incluindo as atividades de lubrificação de máquinas e equipamentos transporte manual de carga. Como a inclusão do PDL nas rotinas de lubrificação é possível afirmar a minimização do transporte manual de carga. Inovação nas práticas de lubrificação e controle da lubrificação
 
Diminuição dos casos de absenteísmo entre profissionais que manuseiam lubrificantes
 
preventiva é fator que diminui a quantidade de manutenção corretiva e gera diminuição dos custos na compra de óleo e graxas.
 
 
Utilização de equipamentos que contribuem com o controle da contaminação do óleo e graxa é convertido em melhor eficiência e aumento da disponibilidade dos equipamentos, além da diminuição dos custos de lubrificação.
 
 
Valorização interna do cargo de lubrificador e da atividade de lubrificação possibilita maior interesse e motivação dos profissionais envolvidos nas atividades de lubrificação, após premiação.
 
 
Treinamento eficiente proporciona aos colaboradores alcance de novos saberes, aperfeiçoamento de habilidades e certificação internacional.
 
 
Embora a operação na Anglo American seja recente, verifica-se que o absenteísmo por motivos relacionados ao CID M / dorsopatias não é crescente para o setor de lubrificação. Pode-se afirmar que a taxa de absenteísmo por motivo muscuesquelético em 2016 foi menor que 2015 considerando o mesmo período, sugerindo que a empresa está no caminho certo.
 
CONCLUSÃO
 
A perda de utilidades ou falhas de equipamentos tem relação direta com a lubrificação. Desta maneira percebe-se a importância das práticas de lubrificação para as mineradoras - e estas práticas precisam ser
alinhadas de forma a diminuir o retrabalho dos lubrificantes, reduzir a degradação de superfície provocada por desgaste mecânico e consequentemente reduzir a frequência de manutenção dos equipamentos.
 
 
A infraestrutura adquirida reduziu o manuseio de tambores e bombonas em todos os sites, contribuindo significativamente para melhoria dos aspectos de segurança e ergonomia das atividades de lubrificação, bem como a minimização das probabilidades de derramamento e acidentes ambientais, proveniente de manuseio excessivo de lubrificantes. É dever de toda empresa conhecer os riscos existentes em seu contexto e estar preparada para pensar e agir de forma adequada tornando o ambiente de trabalho o mais regular possível aos seus empregados, bem como o compromisso de melhorar as condições de trabalho, o que proporcionará a otimização de processos e redução/eliminação de riscos para saúde.
 
 
AUTORES: Nayara Cristina Vitorino de Souza e Vivianny de Fátima B. Oliveira.


terça-feira, 16 de maio de 2017
Fonte: Revista Minérios & Minerales
Publicidade
  • newsletter MM
  • Boart Long Year
  • JLG
  • Voestalpine
  • JLG
  • Banner Esco
  • Mineiração
  • britanite
  • Tecnologia do Concreto
  • MSA
  • IM Mining
  • martin
  • VIII Workshop
  • Sandivk
  • Tega
  • banner da Osisoft
  • contato internacional
  • JLG
A republicação e divulgação de conteúdos públicos são permitidas, desde que citados fonte, título e autor. No caso dos conteúdos restritos, não é permitida a utilização sem autorização do responsável. É totalmente livre a citação da URL do Portal (http//www.revistaminerios.com.br) em sítios e páginas de terceiros.
© 2017 - Revista Minerios - Todos os direitos reservados.
L2 Comunicação e Tecnologia